A SAA informou nesta manhã que suas operações internacionais estão sendo retomadas desde ontem (domingo, dia 17). O primeiro voo desde o início da paralisação, no final da semana passada, foi o SAA 222 que liga o Aeroporto Internacional de Johannesburg com o Aeroporto de Guarulhos, em São Paulo.

“O voo que retorna de São Paulo para Johannesburg deve operar conforme o previsto e pousar na cidade sul-africana na segunda-feira de manhã”, disse a porta-voz da SAA, Tlali Tlali. A empresa informou ainda que as partidas da SAA de bases como Londres, Nova York, Washington DC, Munique e Frankfrut deverão chegar a Johannesburg amanhã pela manhã.

Já os voos domésticos e regionais seguem cancelados e, por ora, sem previsão de normalidade. Clientes com viagens domésticas deverão entrar em contato com a empresa aérea no 0800 771 1030, ou consultar o seu agente de viagens, para procedimentos de reacomodação.

A SAA tem trabalhado com sua companhia aérea subsidiária, Mango, e a companhia aérea irmã SA Express, para acomodar o maior número possível de clientes que viajam em voos domésticos (África do Sul).

Dependendo da disponibilidade, os clientes que viajam para destinos regionais estão sendo acomodados na SA Airlink, uma companhia aérea parceira da SAA. e em outras companhias aéreas sempre que possível.

“Esperamos que todos os nossos clientes entendam que os cancelamentos estavam além do nosso controle. Prometemos remarcar todos os passageiros afetados pelos cancelamentos. Estamos trabalhando duro por esse objetivo e temos o prazer de retomar os voos para todos os nossos destinos internacionais”, concluiu Tlali. .

Fonte: Panrotas